Marcação Pressão do Bahia de Roger Machado

Essa é análise da marcação pressão do Bahia de Roger Machado. Para que a gente consiga entender essa dinâmica, eu separei alguns lances do Bahia nas últimas rodadas do campeonato brasileiro.

Dessa forma, vamos olhar de perto para entender o comportamento dos jogadores na hora de subir o bloco de marcação. Com isso entender os pilares desse sistema defensivo do técnico Roger Machado.

Pilares da Marcação Pressão do Bahia de Roger Machado

Sem sombra de dúvida o principal pilar da marcação pressão do bahia, é a movimentação intensa dos três meio-campistas. Pois eles buscam o tempo todo estarem perto de onde está saindo a jogada, aumentando o poder de combate mesmo na primeira linha.

Marcação Pressão do Bahia de Roger Machado

Inclusive, muitas vezes os dois meio-campistas mais centralizados, o Ronaldo e o Flávio, encontram-se mais avançados até mesmo que os atacantes. Uma vez que, principalmente os extremos, tem mais a responsabilidade de acompanharem as descidas dos laterais adversários.

Problemas na Marcação Pressão do Bahia de Roger Machado

Após entendermos o posicionamento e a dinâmica da marcação pressão, vamos analisar alguns lances em que as coisas não funcionaram tão bem. Assim sendo, indentificar alguns pontos onde o técnico Roger Machado deve melhorar na equipe do Bahia.

Problemas na Marcação Pressão do Bahia

Em linhas gerais, um dos problemas mais evidentes que tem acontecido, é a falta de ação coordenada na hora de pressionar o portador da bola. Diversas vezes o adversário é pressionado antes de as opções de passes curto estarem cobertas.

Aproveite a aula grátis do Curso de Análise Tática (Estratégia no Futebol), pois o tema é justamente Marcação Pressão.

Espero que gostem da análise! Grande abraço e até o próximo vídeo!


Gostou? Compartilhe esse texto!