Corinthians Feminino 2019 – Análise Tática das Multicampeãs

Corinthians Feminino 2019 – Análise Tática das Multicampeãs

Essa é a análise tática da equipe multicampeã do futebol feminino em 2019, o Corinthians do técnico Arthur Elias. Aliás, essa é a primeira análise de futebol feminino aqui do canal.

Vamos aplicar o modelo DRAF completo para entender tudo sobre o comportamento dessa equipe feminina do Corinthians em campo.

Afinal, a equipe do Corinthians Feminino teve uma temporada 2019 brilhante: Campeãs da Libertadores 2019, Campeãs Paulistas 2019 e Vice-Campeãs Brasileiras 2019.

Análise do Corinthians Feminino 2019

Corinthians Feminino Desenho Defensivo

Dessa forma, vamos analisar todos os grupos de táticas da equipe corintiana: táticas defensivas, recuperação de bola, como avança em campo e táticas de finalização.

A equipe de Arthur Elias abre mão de marcar em bloco alto. Ou seja, não faz a marcação pressão na saída de bola adversária. Então, prefere se posicionar em bloco médio e esperar seu adversário chegar nessa região do campo, para executar suas táticas de recuperação de bola.

O desenho defensivo base é o 442, o Corinthians feminino opta por ficar mais preso ao desenho defensivo do que promover os encaixes individuais na marcação.

Assim sendo, um dos pilares desse sistema defensivo é a disciplina em termos de posicionamento das jogadoras.

Corinthians Feminino Bloco Baixo

Conforme esse desenho fica mais bem definido, as zonas de guerras são criadas pelo campo, por conta da compactação defensiva, com as duas linhas de quatro jogadoras sempre bem próximas.

Além disso a zona de guerra principal, é formada pelas quatro defensoras mais as duas meio-campistas centrais. Primordialmente, a principal zona de recuperação de bola da equipe.

Corinthians Feminino Zona de Guerra Principal

Para entender melhor o restante das táticas utilizadas pela equipe feminina do Corinthians assistam ao vídeo.

Infelizmente só consegui encontrar esse jogo completo, a final do Campeonato Paulista 2019 entre Corinthians e São Paulo. Gostaria muito de ter feito a análise da final da Libertadores, entre Corinthians e Ferroviária.

No entanto, mesmo assim, é possível entender muita coisa interessante do comportamento das campeãs.

Por fim, aproveite aula grátis do Curso de Análise Tática, aprenda o modelo DRAF e comece a ver futebol com outros olhos.

Grande abraço a todos e até a próxima!

Raul Ando (Categoria Canal)

Raul Ando

Criador de Conteúdo e Fundador do Categoria Canal.